O triunfal retorno de Game Of Thrones

Depois da primeira temporada épica exibida o ano passado, a HBO estreou a continuação de Game Of Thrones em uma premiére mundial, na qual o Brasil estava incluído. 

   Baseado no segundo livro da série As Crônicas de Gelo e Fogo, de George R. R. Martim, intitulado no Brasil de A Fúria dos Reis, a nova temporada conta com cenários incríveis e impecáveis, ótimas atuações e uma excelente narrativa, tendo tudo para ser mais inesquecível que a primeira.

   Com novos personagens e núcleos incluídos, o episódio de estréia teve um ritmo mais rápido, que permitisse exibir todas as intrigas na qual o mundo de Westeros está incluída: as tramas de Stannis Baratheon para recuperar o Trono de Ferro com a ajuda de sua sombria sacerdotisa Melisandre de Ashai, a luta dos Starks contra os Lannister, as dificuldades de Daenerys Targaryen e seus dragões do outro lado do Mar Estreito e, principalmente, o reinado de Rei Jofrey, que se mostrou ainda mais impiedoso do que no fim da temporada anterior.

   Alguns fãs podem ter não gostado do pouco destaque dado aos Starks, a Tyrion Lannister, que agora é a Mão do Rei, ou ao bando de novos recrutas que se encaminha para a Muralha, mas á de se admitir que as suas cenas não deixaram a desejar em nenhum momento. Quanto a ausência dos Greyjoy das Ilhas de Ferro e do novo Reino de Renly Baratheon, só nos resta crer (e torcer) que terão um papel mais importante nos próximos episódios que se aproximam.

Cenas favoritas: frustada por não controlar mais o filho, Cersei Lannister acabou por lhe enfiar a mão na cara na frente dos súditos na Sala do Trono e quase ser sentenciada a morte. Foi bom ver que nem ela está salva da imaturidade de seu filho para governar. A cena de Robb Stark e Jaime Lannister juntos com o lobo também foi interessante.

Piores cenas: com o fim espetacular da primeira temporada, a participação de Daenerys e seu khalasar neste episódio deixou a desejar. Poderia ter ganhado um pouco mais de espaço.

Perspectiva: os próximos episódios devem focar na guerra entre os novos Reis de Westeros, focando na lealdade dos aliados de cada governante e suas armas para tomar o poder. O inverno e a chegada de Daenerys ao continente devem demorar um pouco mais.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s